Cinco rolês assombrados pelo Brasil

HomeA Vida na Cidade

Cinco rolês assombrados pelo Brasil

Para marcar o Dia das Bruxas, nós separamos cinco lugares que contam histórias assombradas pelo Brasil. Quer brincar no "Halloween"? Que tal pegar sua bike e visitar o local assombrado mais próximo de você?

Quem é você em 2019?
O vilão: o plástico ou a gente?
Boas ações se espalham sozinhas

Hoje, dia 31 de outubro, é celebrado o Dia das Bruxas no mundo. A data ganhou mais adeptos no Brasil nos últimos anos. Para marcar o dia, nós separamos cinco lugares que contam histórias assombradas pelo Brasil. Quer brincar no “Halloween”? Que tal pegar sua bike e visitar o local assombrado mais próximo de você?

Castelinho do Flamengo, Rio de Janeiro

https://oglobo.globo.com/rio/castelinho-do-flamengo-comemora-seu-centenario-com-programacao-cultural-22971335

 (imagem: https://oglobo.globo.com/rio/castelinho-do-flamengo-comemora-seu-centenario-com-programacao-cultural-22971335)

O Castelinho do Flamengo está localizado na Praia do Flamengo, Rio de Janeiro. Hoje é o Centro Cultural Municipal Oduvaldo Vianna Filho, onde há diversas oficinas e palestras.

Este local que teve sua construção finalizada em 1918, pertenceu ao comendador Joaquim da Silva Cardoso. Anos depois, o prédio foi vendido para Avelino Fernandes, sua esposa Dona Rosalina Feu Fernandes e a sua filha Maria de Lourdes Feu Fernandes que moraram no local. A lenda é que a filha Maria de Lourdes viu seus pais serem atropelados na Praia do Flamengo. Aos 10 anos,  a criança ficou orfã e ganhou o advogado da família como tutor. Esse se apossou dos bens da família e trancou a criança na torre da moradia, da qual a menina se jogou. Depois do ocorrido há relatos de barulhos no castelinho de madrugada, que seriam causados por Maria de Lourdes.

A loira da W3, Brasília

Imagem http://www.curtamais.com.br/brasilia/13-lugares-mal-assombrados-em-brasilia

(imagem: http://www.curtamais.com.br/brasilia/13-lugares-mal-assombrados-em-brasilia)

Após a inauguração da cidade, um taxista realizava sua rota pela Via W3, até que uma loira deu sinal para corrida. A moça entrou no carro e emanava um perfume muito forte, como destino informou que gostaria que fosse deixada no cemitério. Ao chegar, o motorista percebeu que o cheiro tinha desaparecido antes da saída da passageira. Quando olhou para trás, não havia ninguém no carro.

Tá preparado pra dar esse rolê e, quem sabe, dar uma carona mal assombrada na garupa.

Museu Júlio de Castinhos, Porto Alegre

Imagem http://www.museus.gov.br/tag/julio-de-castilhos/(imagem: http://www.museus.gov.br/tag/julio-de-castilhos)

O Museu Júlio de Castinhos, localizado na Rua Duque de Caxias, foi moradia do Julio de Castilho (Governador do Rio Grande do Sul), ,de sua esposa Honorina e seus seis filhos.

Júlio de Castilho faleceu após passar por uma cirurgia, realizada no casarão em seu quarto, para retirada de um tumor na garganta. Tempos depois, a viúva Honorina, traumatizada pela morte de seu marido se suicidou em um dos cômodos da casa. Desde então há relatos sombras e aparições do casal no museu.

Teatro Municipal de São Paulo

(imagem: https://www.guiadasemana.com.br/sao-paulo/arte/estabelecimento/theatro-municipal-de-sao-paulo)

O Teatro Municipal de São Paulo foi inaugurado em 1911, desde então aconteceram diversas apresentações e vários artistas contracenaram no palco. Este local cultural e cheio de memórias segundo lendas é o cenário sombrio, pois há relatos que artistas do passado ainda visitam o local. Segundo a lenda, passos e telhas de piano são barulhos comuns do local.

Praça Chora Menino, Recife

(imagem: http://www.leiaja.com/cultura/2018/04/13/assombracoes-no-recife-todo-dia-e-sexta-feira-13/)

Recife enfrentou uma revolta violenta em 1831, onde soldados em protesto saquearam a cidade. Ocasionado a morte e prisão de várias pessoas, dentre os mortos, algumas crianças. O massacre ficou conhecido como Sentembrizada. As ruas ficaram repletas de corpos e muitos foram enterrados onde hoje é a Praça Chora Menino localizada no bairro Boa Vista. Acredita-se que, na madrugada, é possível ouvir o choro de uma criança na praça.

E aí? Você já conhecia essas histórias? Já pensou quantas histórias assombradas têm no meio do seu caminho? Só cuidado pra não levar um susto e cair da bike!

COMENTÁRIOS

WORDPRESS: 0
DISQUS: 0